27 Dicas de Como Cuidar Bem da sua Bolsa Preferida

Tudo Sobre Como Cuidar Bem da sua Bolsa Preferida

Dicas de Como Cuidar Bem da sua Bolsa Preferida

Você cuida bem das suas bolsas?

Conheça os cuidados com limpeza e organização para manter seus acessórios sempre impecáveis.

Mulheres em geral são apaixonadas por bolsas. Com grande variedade de cores, tamanhos e modelos faz com que os acessórios se tornem ainda mais irresistíveis muitas vezes dificulta a tarefa de manter um número reduzido de peças no armário.

Conforme a quantidade de bolsas cresce, aumenta também a dificuldade de guardá-las em um local adequado.

É então que surgem as dúvidas sobre a melhor maneira de organizar seu guarda-roupa para que todos os seus acessórios se mantenham adequadamente protegidos.

Para tirar suas duvidas quais são os cuidados necessário para ter bolsas sempre bonitas, preparamos para você dicas e técnicas de organização que facilitam na hora da correria e ainda garantem acessórios conservados por muito mais tempo.

>> Recomendamos Para Você:

Limpeza

A organização de armários começa com uma boa limpeza.

Além de manter o closet ou o guarda-roupa sempre limpos e livres de pó e mofo, é preciso que você higienize regularmente suas bolsas.

Você pode aproveitar quando for arrumar todo o armário – na troca de estações, por exemplo – para retirar as bolsas e limpar todas de uma única vez.

Quando for necessário lavá-las, evite colocar as peças completamente de molho ou na máquina de lavar.

Produtos químicos fortes, como acetona ou álcool, também não devem ser usados nas peças, pois tiram o brilho do couro e podem ressecar e manchar outros materiais.

A limpeza mais adequada é aquela feita com um pano úmido e bem torcido com uma pequena quantidade de detergente ou sabão neutro.

Durante a limpeza, tome cuidado com detalhes, como pinturas, bordados e aplicações, que são mais frágeis e, portanto, merecem atenção especial.

Fechos, zíperes e outras peças metálicas devem ser polidas com uma flanela embebida em produtos específicos para esta finalidade.

Contudo, além dessa limpeza geral, também é importante que você higienize sua bolsa logo após o uso, antes que ela volte para o armário.

Comece esvaziando a peça e eliminando todos os restos de papéis e sujeiras que costumam ficar depositados no fundo da bolsa. Limpe a peça com um pano úmido e sabão neutro. Não se esqueça de deixar a bolsa secar bem antes de guardá-la novamente.

A personal organizer ainda revela que bolsas de couro podem ser limpas com sabão de coco que, por ter propriedades hidratantes, mantém o brilho e a maciez natural do material.

Conservação

Guardar as bolsas no armário de qualquer maneira pode acabar danificando as peças.

Para evitar que isso aconteça, Recomenda-se que as bolsas tenham seu interior preenchido para dar volume e impedir que as peças fiquem com marcas de dobras, pois isso pode deformá-las permanentemente.

Para isso, a personal organizer indica que “é possível preenchê-las com plástico-bolha (facilmente encontrado em lojas de embalagens) ou papéis amassados colocados dentro de um saco plástico, pois ambos servem para dar corpo à peça”.

Na hora de levar as bolsas ao armário, é preciso evitar o acúmulo de pó e o aparecimento de mofo.

Sendo assim, o ideal é colocar os acessórios em saquinhos de TNT, algodão ou feltro, que são materiais finos e delicados que protegem as peças e permitem uma boa circulação de ar.

Esses saquinhos costumam vir junto com a bolsa na hora da compra. Mas se esse não for o seu caso, é possível comprar ou confeccionar as peças com esses materiais.

Outra recomendação para que suas bolsas fiquem conservadas por muito mais tempo é evitar o armazenamento dos acessórios em sacos plásticos.

Os saquinhos “podem mofar o couro ou, no caso de bolsas com acabamento de verniz, o plástico pode grudar com o calor e deixar manchas”.

As caixas plásticas seguem o mesmo raciocínio, portanto, também devem ser evitadas. Além de mofar ou estragar as bolsas, elas impedem a circulação de ar e podem causar o ressecamento dos materiais.

Por fim, a personal organizer recomenda que as bolsas de festa – que são menores e menos usadas – sejam armazenadas em caixas.

Caso elas tenham alças, é preferível enrolá-las em vez de dobrá-las. Para garantir que as alças permanecerão no lugar, você pode colocar elásticos para segurar, mas evite usar fitas adesivas, já que elas costumam deixar resquícios de cola na peça.

 

Organização

A personal organizer também deixou algumas dicas de organização valiosas para que você possa cuidar muito bem das suas bolsas. A primeira delas é para que o seu dia a dia fique ainda mais prático.

Voltando aos saquinhos de tecido usados para proteger as bolsas, a personal organizer recomenda investir nas versões que possuem um plástico especial transparente.

Assim você consegue visualizar a peça sem precisar abrir o saquinho e escolher mais rapidamente o acessório que deseja usar.

Quando for guardá-las, prefira colocar suas bolsas em prateleiras dentro de closets, guarda-roupas e armários. Dessa maneira, as peças podem ser acomodadas em pé, uma ao lado da outra.

Além de ficar mais organizado, essa disposição ocupa menos espaço e permite que você guarde mais bolsas.

Lembre-se que esse é o momento para separar as peças por cores, tamanhos ou modelos, pois “isto facilitará a escolha das opções conforme a combinação que você deseja para seu look”.

Se você não dispõe de prateleiras para colocar todas as suas bolsas, isso não é um problema. A personal organizer também recomenda o uso de cabideiros para pendurar os acessórios.

Contudo, ela deixa um alerta: as peças que vão para o cabideiro devem ser aquelas de uso mais frequente, já que as bolsas devem permanecer penduradas por pouco tempo para não deformar as alças.

Utilização

Limpar, conservar e organizar as bolsas adequadamente é fundamental para aumentar a durabilidade dos acessórios, mas não podemos nos esquecer de que também é preciso tomar alguns cuidados durante o uso para garantir que a peça não sofra danos.

A primeira regra é não carregar excesso de peso em bolsas femininas. Além de sobrecarregar os seus ombros, você pode acabar enfraquecendo e deformando o corpo, as alças e as costuras da sua bolsa. Em casos extremos, a peça pode até mesmo rasgar.

Outro fator importante que muitas mulheres esquecem é proteger objetos cortantes e pontiagudos dentro da bolsa. Tesouras, pinças, agulhas e alicates podem causar acidentes e, de quebra, perfurar o forro e o acabamento da peça, resultando em danos irreparáveis.

Carregue sempre esses objetos dentro de embalagens apropriadas ou proteja as partes cortantes.

Dificilmente prestamos atenção nas roupas que estamos usando com determinadas bolsas.

Procuramos combinar o acessório com o look, mas é mais raro nos lembrarmos se aquele casaquinho preto ou aquela calça jeans é uma peça cujo tecido solta tinta.

A combinação de tecidos escuros com bolsas claras exige cuidados redobrados para evitar o aparecimento de manchas.

Por fim, nunca deixe sua bolsa no chão. Além dos ditados que dizem que esse hábito não traz bons frutos para a vida financeira, fatalmente você acabará sujando ou danificando seu acessório. Para driblar esse impasse, use presilhas ou penduradores de mesa.

Eles são uma espécie de gancho que pode ser ajustado em superfícies planas para evitar que a bolsa entre em contato com o chão. Além disso, eles são pequenos, baratos e podem ser facilmente levados dentro da própria bolsa.

medico emagecer mulher azul

» » RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

banner-perfume-loja

Recomendados Para Você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *