Gravidez e Trabalho: Novo Guia Completo Tire Suas Duvidas

Tudo Sobre Gravidez e Trabalho

VOCÊ CONHECE OS DIREITOS DAS GESTANTES NO TRABALHO?

Alguns cuidados devem ser tomados durante a gestação para que não ocorra nada com

o bebe, mas você sabe quais são os direitos assegurados por lei para as mamães?

Aprenda o que pode ou não pode e saiba como casar sua gestação com o trabalho sem

complicações

# Logo Abaixo você Tira Suas Dúvidas tais como:

– Quais os direitos de uma gravida no trabalho?

– Declaração de comparecimento abona falta de gestante?

– Quantas consultas a gestante tem direito no trabalho?

– Carga horaria de trabalho para gestantes

– Gravida tem direito de sentar no trabalho?

– Gravida pode trabalhar ate quantos meses?

– Gestante pode trabalhar em uti?

– Gestante pode trabalhar em horário noturno?

→ PARE AGORA! O que Você Precisa?

→ Abaixo você Encontra mais Informações Simples e Fáceis de Colocar em Pratica Escolha uma


 

 

A algum tempo a gravidez deixou de ser um empecilho para as futuras mamães, permitindo que elas sigam sua rotina no trabalho sem precisar se afastar de suas atividades durante a gestação.

Trabalhar nos mantêm física e psicologicamente ativos, ajudando a reduzir o tédio que costuma acompanhar a gravidez, é o que afirma o ginecologista Dr. Mahalakshmi.

Os especialistas acreditam que é possível cuidar da alimentação, do bem-estar do corpo e da mente e conciliar as responsabilidades profissionais nesse período. Assim, a mulher pode se realizar em sua carreira e ainda curtir uma gravidez tranquila e saudável.

Para auxiliar nesse processo, especialistas deram dicas de atividades que as gestantes podem fazer para que tudo saia conforme planejado, sem precisar sacrificar a vida pessoal ou profissional durante essa fase.

mulhercuriosa.com.br-dieta-gestante-cardapio-completo-e-balanceado-gratis

>> Recomendamos Para Você:

(VIDEO) 20 PRIMEIROS SINTOMAS DE GRAVIDEZ (ATUALIZADO)

(VIDEO) Como Emagrecer Depois da Gravidez – Novo Cardápio

(VIDEO) Nova Dieta para Emagrecer Rápido Depois do Parto

Planejamento e preparação

Muitas mulheres estão optando por engravidar por volta dos 30 anos, ou seja, quando estão psicológica e financeiramente preparadas para encarar uma nova etapa.

Entre as mudanças, o desenvolvimento da maturidade, da paciência e da compreensão é fundamental para que a mulher saiba equilibrar o trabalho com a maternidade.

 

Trabalhar sem parar

Largar o emprego para poder seguir com a gravidez é um risco que poucas mulheres têm corrido, preferindo seguir com suas atividades mesmo durante a gestação.

Os especialistas sugerem que, com o avanço da gravidez, a mulher reduza gradativamente as horas de trabalho.

 

Nutrição acima de tudo

A nutrição é um fator fundamental durante a gravidez, pois a saúde da mãe e do bebê são diretamente influenciadas pela ingestão dos alimentos.

Uma dieta balanceada precisa garantir uma gravidez confortável com bons níveis de energia para que a mulher possa trabalhar.

Especialistas apontam que a alimentação ideal deve ser rica em ferro e proteínas e com pequenas quantidades de carboidratos e gorduras.

Outro aspecto é que, com o crescimento do bebê, a pressão gerada sobre o estômago faz com que a ingestão de grandes refeições seja desconfortável. Nessa fase, é preferível consumir porções pequenas com maior frequência.

Exercícios para dar energia

A prática de exercícios físicos para gerar energia para o organismo é fundamental não só para as gestantes, mas para todos nós. As atividades melhoram a qualidade do sono e ainda aumentam a resistência do corpo.

O melhor momento para começar a se dedicar aos exercícios é após completar doze semanas ou quando o médico recomendar. Ainda, com a evolução da gestação, é possível modificar o tipo e a intensidade das atividades.

Os médicos costumam recomendar exercícios de aeróbica que tenham baixo impacto, fit ball, caminhada, alongamento e natação para as gestantes.

 

Flexibilidade com yoga

A yoga pré-natal tem se tornado uma tendência entre as futuras mamães. Seus exercícios trabalham agachamentos, alongamentos e a abertura dos quadris, tonificando os músculos das costas e fortalecendo as pernas.

Os especialistas aconselham que os treinos sejam leves para não causar problemas, especialmente entre a 11ª e 13ª semanas. Posições que peçam que a mãe se deite de bruços devem ser evitadas pelos mesmos motivos.

 

Momentos de relaxamento

Sessões de massagens no rosto e no corpo podem eliminar o stress e fazer com que as gestantes curtam melhor esse momento especial.

A técnica também aumenta a circulação sanguínea e diminui a tensão muscular.

Estudos recentes mostraram que massagens faciais trazem diversos benefícios, tanto físicos quanto psicológicos.

Outra dica simples é conversar com o parceiro ou com os amigos. Conversas longas e reconfortantes podem revitalizar as energias e ajudar a passar pelo período com muita alegria e tranquilidade.

 

 

» » RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

 

banner-perfume-loja

[relfake id="1"]